O primeiro-ministro da Itália, Silvio Berlusconi, teria sofrido um mal-estar no avião que o transportava de volta da reunião do G20 em Washington, informou o canal Sky TG 24, mas a informação foi desmentida pelo porta-voz do chefe de Governo, Paolo Bonaiuti.

A emissora informou que a origem da notícia foi a agência Agi, que a recebeu de um funcionário de um congresso que teria a presença do chefe de Governo neste domingo em Verona.

Em conseqüência do mal-estar, Berlusconi participará por telefone do congresso, segundo a agência.

O governo veio a público para negar a informação. "Desminto formalmente que Silvio Berlusconi tenha sido vítima de um mal-estar. O presidente do Conselho desembarcou tranquilamente do avião em Milão. Eu falei com ele há alguns minutos", declarou Bonaiuti à imprensa.

Em junho, Berlusconi passou mal ao fim de um discurso.

O chefe de Governo instalou um estimulador cardíaco em dezembro de 2006 nos Estados Unidos.

fmi/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.