Sete rebeldes separatistas curdos, entre eles duas mulheres, foram mortos neste sábado durante combates com o exército no leste da Turquia, indicou o governo local.

Os enfrentamentos aconteceram em uma zona rural de Eruh, uma localidade da província de Siirt, indicou um comunicado do governo desta província.

Dois soldados foram feridos nos arredores, acrescentou o documento.

Um balanço anterior fornecido também de fonte oficial falava em três rebeldes mortos.

O exército lançou uma operação neste setor após a morte de um miliciano curdo pró-governo, membro dos guardiões das cidades, numa explosão de uma mina ativada à distância, segundo o governo.

O PKK, que realiza uma luta armada pela autonomia desta região de maioria curda, tem sempre recursos a minas e explosivos. É considerado uma organização terrorista pela Turquia, pela UE e os EUA.

BA/lm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.