Turquia quer informações sobre cidadão turco que estava em avião acidentado

Istambul, 21 ago (EFE).- A Câmara de Comércio da cidade turca de Aliaga disse hoje que não recebeu nenhum dado sobre a situação de um empresário local que estava no avião que se acidentou na quarta-feira no aeroporto de Barajas, em Madri, e reivindicou informações.

EFE |

O empresário Mustafa Erdil, membro da citada organização comercial, está na lista de passageiros do vôo da Spanair que saiu de uma pista do terminal quatro do aeroporto de Barajas quando iniciava a decolagem, o que causou um incêndio e provocou a morte de 153 pessoas e feriu 19.

Em comunicado à imprensa, a Câmara de Comércio disse que Erdil, proprietário de uma empresa de desmantelamento de navios, tinha ido à Espanha fechar um negócio.

"Não encontramos seu nome entre os mortos nem entres os feridos.

Ainda não foi explicado o que aconteceu com os passageiros da lista.

Os habitantes de Aliaga esperam boas e esperançosas notícias da Espanha. A comunidade de industriais e comerciantes de Aliaga espera ansiosa", acrescentou o comunicado.

A agência oficial de notícias turca "Anadolu" informou que Erdil não se encontra entre os feridos. EFE Amu/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG