Turquia proíbe cigarro em locais públicos

A Turquia, grande produtora e consumidora de tabaco, proibiu a partir desta segunda-feira fumar em locais públicos, ao colocar em vigor uma lei antitabaco.

AFP |

Os bares e restaurantes terão um período de transição para se habituarem à nova legislação. A proibição começará a ser aplicada em julho de 2009.

O Parlamento adotou em janeiro esta lei que foi considerada uma "revolução" por parte da imprensa e que marca o ingresso de Ancara no clube dos países onde são aplicadas medidas restritivas na luta contra o tabagismo.

O texto foi elaborado pelo Partido para a Justiça e o Desenvolvimento (AKP, de tendência islâmica), do primeiro-ministro turco Recep Tayyip Erdogan.

A nova lei proíbe fumar em repartições públicas, em locais de trabalho e lugares públicos, incluindo centros comerciais, escolas, estádios esportivos e hospitais.

Em caso de infração, uma advertência por escrito será aplicada. Caso o estabelecimento continue permitindo que clientes fumem em seu interior serão cobradas multas que chegam a 5.000 libras turcas (2.700 euros ou 4.000 dólares) aos estabelecimentos privados.

Na Turquia, 60% dos homens e mais de 20% das mulheres fumam.

Segundo o Ministério turco da Saúde, quase 20% das mortes estão relacionadas a doenças ligadas ao tabagismo.

A proibição de fumar em transportes públicos na Turquia já existe há 10 anos, embora muitas vezes as restrições não tenham efeito.

BA/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG