Milhares ainda não retornaram para suas casas por conta das inundações no país

Os dois tufões que atingiram as Filipinas nas últimas semanas causaram a morte de pelo menos 101 pessoas e dezenas de milhares ainda não retornaram para suas casas por causa das inundações, informaram neste domingo as autoridades do país.

Diversas cidades da Ilha de Luçon, a principal do arquipélago, foram alagadas após a passagem dos tufões Nesat, no dia 27 de setembro, e Nalgae, cinco dias depois. Nesat teria causado 82 mortes e Nalgae 19, de acordo com os últimos números oficiais. 27 pessoas ainda estão desaparecidas.

Mais de 67 mil moradores de Luçon ainda não retornaram para suas casas e continuam sendo abrigadas em centros de evacuação. Nesat e Nalgae foram os Tufões mais violentos do ano nas Filipinas, de acordo com os serviços de meteorologia do país.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.