Tufão e tempestade tropical causam 70 mortes nas Filipinas

Com rajadas de até 210 km/h, tufão "Muifa" provocou o deslocamento de quase um milhão de pessoas de suas casas

EFE |

A ação combinada de uma tempestade tropical e posteriormente de um tufão nas Filipinas deixou 70 mortos, 24 desaparecidos e cerca de 1 milhão de pessoas deslocadas, informaram fontes oficiais nesta terça-feira. O Centro Nacional para a Prevenção de Desastres elevou na manhã desta terça a 66 o número de pessoas que morreram quando a tempestade tropical "Nock-Ten" percorreu o norte do arquipélago na semana passada, até a última quinta-feira.

Depois foi a vez de outras quatro pessoas morrerem pelos efeitos do tufão "Muifa", que afeta o país desde quinta-feira com ventos sustentados de 175 km/h e rajadas de até 210 km/h, segundo dados do organismo citado. As últimas vítimas são nove pescadores encontrados na província de Masbate, leste das Filipinas, após sua embarcação naufragar.

Até agora, 969.612 pessoas abandonaram suas casas pelas inundações e deslizamentos de terra causados pelas chuvas, e cerca de 350 mil pessoas seguem refugiadas em abrigos dispostos pelas autoridades. As vítimas fatais morreram afogadas, sepultadas por deslizamentos de terra, eletrocutadas ou atingidas por postes ou árvores que caíram com o vendaval. As autoridades calculam que o prejuízo supera 1,75 bilhão de pesos (US$ 41,7 milhões), incluindo danos à agricultura e à infraestrutura.

    Leia tudo sobre: filipinastempestade tropicaltufãomau tempo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG