Bagdá, 19 abr (EFE).- As tropas iraquianas entraram hoje no bairro de Cidade de Sadr, em Bagdá e reduto da milícia Exército Mehdi, do clérigo xiita Moqtada al-Sadr, e tomaram posições, horas depois do início de combates contra os rebeldes.

Um morador da zona, que pediu para não ser identificado, disse à agência "Aswat al-Iraq" que as forças governamentais tomaram posições perto da zona industrial de Jamila (em Cidade de Sadr) e em uma das entradas principais do bairro.

Segundo a agência, as tropas iniciaram hoje "uma campanha de limpeza" de milicianos xiitas nas principais ruas e entradas da zona, no leste de Bagdá.

Cidade de Sadr foi nesta sexta-feira à noite cenário de violentos confrontos de simpatizantes de Muqtada contra soldados iraquianos e americanos, que causaram a morte de dez pessoas e deixaram mais de 60 feridos.

Além disso, na localidade de Basra, 550 quilômetros ao sul de Bagdá, também houve intensos combates entre os milicianos xiitas e as forças iraquianas, que tomaram a área de Al-Hayaniyat, um dos redutos dos simpatizantes de Muqtada.

Por enquanto, não há informações sobre vítimas desses confrontos.

Há três semanas, o Governo do primeiro-ministro iraquiano, Nouri al-Maliki, lançou uma campanha de segurança em Basra para acabar com a criminalidade na zona. EFE am/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.