Tropas estrangeiras, com exceção dos EUA, deixarão o Iraque antes de julho

As forças estrangeiras, com exceção das americanas, devem deixar o Iraque antes do final de julho de 2009, segundo um projeto de lei adotado pelo governo iraquiano, informou nesta terça-feira em Bagdá o presidente da Comissão de Relações Exteriores do Parlamento.

AFP |

"O conselho de ministros aprovou um projeto de lei sobre a retirada das forças não-americanas da coalizão. O projeto prevê um calendário de retirada de cinco a sete meses a partir de primeiro de janeiro", afirmou Hamman Hammudi, o presidente da Comissão.

O texto ainda não foi submetido à aprovação do Parlamento iraquiano.

A medida diz respeito principalmente aos 4.100 soldados britânicos posicionados ainda no aeroporto de Basra.

sf-kat/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG