Tropas chegam à província iraquiana de Maysan para ações antiterroristas

Bagdá, 13 jun (EFE).- Um grande número de soldados e policiais está chegando à província de Maysan, no sul do Iraque, para a aplicação do plano antiterrorista que já foi implementado em Basra, Mossul e em alguns bairros de Bagdá.

EFE |

Segundo a agência independente "Aswat al-Iraq", as tropas militares e policiais chegam de Basra e de Bagdá, e estão tomando posições em torno de Amarah, capital da província.

"As tropas estão à espera do sinal para fazer aplicar a lei na província. A operação prevê a busca de criminosos, o confisco de armas pesadas e de médio calibre e a expulsão dos grupos ilegais dos edifícios oficiais", disse uma fonte policial.

A operação é levada a Maysan semanas depois de ser aplicada em Basra com objetivos similares, embora naquele caso se combatesse ainda o crescente contrabando de petróleo.

Não se deu nenhuma explicação sobre a escolha de Maysan, uma província relativamente tranqüila e que foi pouco afetada pela violência que atingiu o Iraque nos últimos quatro anos.

A província é fronteiriça com o Irã e, como todas as zonas xiitas do sul, conta com uma grande presença do Exército Mehdi, a milícia xiita obediente ao clérigo Moqtada al-Sadr, agora em conflito com o Governo do primeiro-ministro, o também xiita Nouri al-Maliki. EFE nq/gs

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG