Cabul, 15 nov (EFE).- Um civil afegão morreu hoje devido à explosão de uma granada do Exército americano durante um combate contra insurgentes no sudeste do Afeganistão, informou hoje o comando dos Estados Unidos no país asiático.

O incidente ocorreu no distrito de Qalat, na província de Zabul, quando uma patrulha das tropas americanas e a Polícia afegã foi atacada por um grupo de insurgentes, precisou o comando, em comunicado.

As tropas responderam ao ataque e mataram um suposto insurgente, mas uma das granadas disparadas pelas tropas americanas ultrapassou o alvo e matou um civil.

As tropas da coalizão estão reunidas com os idosos do povoado e com a família do civil que morreu.

"Se os talibãs não tivessem atacado a patrulha, esta tragédia não teria acontecido. As táticas talibãs continuam mostrando sua indiferença em relação aos afegãos inocentes", disse, no comunicado, o porta-voz do Exército americano Gregory Julian.

Entre janeiro e agosto deste ano, as mortes de civis no Afeganistão aumentaram 39% a respeito do mesmo período de 2007, o que gerou críticas contra o trabalho das tropas estrangeiras no país. EFE nh-daa/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.