Moscou, 10 jun (EFE).- Dois tripulantes da Estação Espacial Internacional (ISS), o russo Gennady Padalka e o americano Michael Barratt, concluíram hoje em apenas 12 minutos uma caminhada na qual permaneceram no interior do módulo russo Zvezda, temporariamente despressurizado.

"Às 11h07 horário de Moscou (4h07 de Brasília), Padalka e Barratt concluíram sua caminhada e voltaram a pressurizar a estação", indicou o porta-voz oficial do Centro de Controle de Voos Espaciais (CCVE) da Rússia, Valeri Lindin, citado pela agência oficial "Itar-Tass".

Em princípio, estava previsto que a caminhada, que começou às 10h55 horário de Moscou (3h55 de Brasília), durasse aproximadamente 40 minutos, mas em apenas 12 os astronautas concluíram os trabalhos que tinham como finalidade acondicionar o porto de acoplamento para receber em novembro o módulo científico MIM-2.

Durante esta caminhada, Padalka e Barratt substituíram a tampa da escotilha de saída por um mecanismo de acoplamento, destinado ao engate em novembro do novo módulo russo.

Os trabalhos dos dois astronautas foram supervisados do interior da ISS pelos outros quatro membros da tripulação: o japonês Koichi Wakata, o russo Roman Romanenko, o canadense Robert Thirsk e o belga Frank De Winne. EFE egw/mh

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.