Tribunal pede detenção de suspeito de espionar presidente guatemalteco

Guatemala, 6 set (EFE).- Um tribunal guatemalteco ordenou hoje a detenção do ex-chefe da segurança presidencial Carlos Quintanilla pela espionagem, descoberta na quinta-feira passada, do presidente do país, Álvaro Colom.

EFE |

O promotor contra o crime organizado do Ministério Público, Rony López, explicou que foi ordenada a detenção de Quintanilla, ex-chefe da Secretaria de Assuntos Administrativos e de Segurança (SAAS) e de Gustavo Solano, ex-titular da Secretaria de Assuntos Estratégicos (SAE). EFE oro/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG