Tribunal da ONU abre novas investigações no processo do Khmer Vermelho

O tribunal da ONU que julga os dirigentes do Khmer Vermelho acusados de crimes de guerra (1975-1979) anunciou nesta quarta-feira a abertura de investigações contra novos suspeitos.

AFP |

Segundo o tribunal, os juízes de instrução devem abrir investigações judiciais sobre vários novos suspeitos, que não tiveram os nomes divulgados, e os promotores decidirão sobre a abertura de processos ou não.

O tribunal julga atualmente Kaing Guek Eav, o "Duch", acusado de ter supervisionado a eliminação de mais de 15.000 pessoas na prisão de Tuol Sleng durante o regime do Khmer Vermelho.

Outros quatro dirigentes do regime serão julgados nos próximos meses.

A questão de ampliar o julgamento a novos suspeitos tem sido uma permanente fonte de conflito entre a comunidade internacional e o governo cambojano, para quem o país pode entrar em guerra civil se outros dirigentes do Khmer Vermelho forem levados ao banco dos réus.

pf/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG