Quatro trabalhadores afegãos morreram nesta sexta-feira na explosão de uma bomba na passagem de seu micro-ônibus no centro do Afeganistão, segundo autoridades locais, enquanto o Exército norte-americano anunciava a morte de cinco insurgentes no sul do país.

No distrito de Ab Band, na província de Ghazni (centro), quatro funcionários de uma construtora de estradas morreram na explosão de um artefato artesanal, declarou à AFP o chefe do distrito Allah Dad Halimee.

Em um confronto entre insurgentes e a Polícia pouco depois do atentado, "dois talibãs morreram, um foi preso e um policial morreu", declarou Gani Khan, um chefe de Polícia de Ghazni.

Um porta-voz dos talibãs, Zabiullah Muyahid, reivindicou o atentado a um jornalista da AFP.

O Exército norte-americano anunciou que, em outros confrontos, cinco rebeldes foram mortos pelas forças afegãs e da coalizão.

Também nesta sexta-feira, um soldado romeno perdeu a vida no sul de Cabul em um enfrentamento com grupos rebeldes islâmicos.

shk/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.