Três voluntárias estrangeiras de uma ONG assassinadas no Afeganistão

Três estrangeiras e um afegão que trabalhavam para uma organização humanitária morreram nesta quarta-feira quando um comando abriu fogo contra o veículo no qual circulavam na província afegã de Logar, próxima a Cabul, informou um chefe da Polícia local.

AFP |

A emboscada foi efetuada nas proximidades de Pul-i-Alam, capital de Logar, indicou à AFP o chefe policial da província, Ghulam Mustafá.

"Homens armados a bordo de um veículo os fecharam e dispararam. Três mulheres estrangeiras e um homem afegão morreram", indicou.

NO ataque também morreu o motorista das vítimas, de nacionalidade afegã.

As funcionárias eram membros do Comitê de Resgate Internacional (IRC), uma organização não-governamental que presta assistência em diversos países há mais de sete décadas.

A emboscada foi feita nas proximidades de Pul-i-Alam, a capital de Logar, informou o chefe de polícia da província, Ghulam Mustafah.

Segundo a polícia, o IRC informou que uma das vítimas era americana, a outra canadense e a terceira irlandesa, mas a organização ainda não se pronunciou oficialmente a respeito.

O IRC, fundado em 1933, atua em 25 países. Dois membros de seu pessoal afegão foram assassinados em 2007, também na província de Logar.

sak/dm/cmn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG