Três terroristas que planejavam atentado se matam no Paquistão

Três supostos terroristas paquistaneses que, segundo as autoridades, planejavam um atentado, morreram nesta sexta-feira ao detonar os explosivos que carregavam para fugir da polícia, que cercava o lugar onde estavam escondidos, informaram as autoridades de Karachi.

AFP |

No centro do país, pelo menos seis pessoas, entre elas três crianças, morreram nesta sexta-feira no descarrilamento de um trem de passageiros no centro do Paquistão provocado por uma bomba colocada na ferrovia.

A explosão, que aconteceu perto da cidade de Bahawalpur, danificou gravemente dois vagões.

O exército anunciou anteriormente que as tropas paquistanesas mataram mais de mil rebeldes da Al-Qaeda e dos tallibãs, entre eles cinco de seus comandantes, em uma vasta ofensiva realizada perto da fronteira afegã.

Segundo a fonte, 27 soldados paquistaneses morrerama na operação lançada na região de Bakhaur, uma das sete zonas tribais do Paquistão que fogem ao controle de Islamabad ao longo da fronteira com o Afeganistão.

A ofensiva foi lançada no início de agosto e já deixou mais de 250 mil mortos, segndo o governo e a ONU.

As zonas tribais paquistanesas, na fronteira com o Afeganistão, se converteram, segundo os Estados Unidos e inúmeros especialistas na região, na "nova frente de guerra contra o terrorismo", onde os talibãs e afegãos e os combatentes da Al-Qaeda reconstituíram suas forças graças ao apoio dos talibãs paquistaneses.

mmg-dk/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG