Três são presos em testes para programa de TV nos EUA

Três pessoas foram presas e seis ficaram feridas durante uma confusão ocorrida quando eram realizados testes para a escolha de participantes do programa de TV Americas Next Top Model , em Nova York. Milhares de pessoas faziam fila diante de um hotel em Manhattan, quando começou uma correria.

BBC Brasil |

A polícia não informou o que causou o incidente, mas potenciais candidatas disseram ao jornal americano The New York Times que o clima no local, tenso por causa da falta de organização e do nervosismo das aspirantes a modelo, piorou quando alguém gritou que um carro superaquecido de onde saía fumaça estava prestes a explodir.

"Todo mundo foi empurrado para todo lugar", disse Annina Manttari, de 23 anos, de acordo com o diário. "As pessoas estavam sendo pisoteadas." Há notícias de que no meio da confusão um homem correu em direção à multidão para tentar roubar bolsas.

Na correria, peças de roupa e sapatos foram abandonados nas ruas e calçadas. Duas mulheres e um homem foram detidos e acusados de incitar distúrbios.

A rede de TV americana CW, que exibe o programa, disse que está cooperando com as autoridades para investigar o caso.

O programa é muito popular na TV americana. A fila junto ao hotel Park Central começou a se formar de madrugada, quando potenciais candidatas que sonham em conseguir fama e fortuna através do show, apresentado pela modelo Tyra Banks, colocaram cadeiras e sacos de dormir na calçada.

Esta 13ª edição do programa busca 12 finalistas de estatura mais baixa do que a das modelos tradicionais e que, portanto, não puderam participar da série antes.

Desta vez, a estatura máxima permitida para as candidatas é de cerca de 1,70 metro.

Leia mais sobre: America's Next Top Model

    Leia tudo sobre: confrontotv

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG