Três pessoas são detidas em Kuala Lumpur antes da passagem da tocha

Kuala Lumpur, 21 abr (EFE).- Três membros de uma família japonesa foram detidos hoje com bandeiras tibetanas na praça de Kuala Lumpur onde aconteceu a cerimônia de início do percurso da tocha olímpica na Malásia.

EFE |

No total, 80 pessoas participaram do revezamento da tocha pelas ruas da capital malásia, em meio a fortes medidas de segurança, sem espaço para os protestos contra a repressão chinesa no Tibete.

O único incidente foi a detenção da família japonesa na Praça da Independência, que aconteceu antes do início da cerimônia.

No entanto, as dezenas de pessoas que estavam com bandeiras chinesas e camisetas com o lema "um sonho, um mundo, uma China" não foram perturbados pelos 1.000 agentes da ordem responsáveis por impedir qualquer tipo de distúrbio no trajeto da tocha olímpica em Kuala Lumpur.

O presidente do Comitê Olímpico da Malásia, Imran Jaafar, ficou responsável por inaugurar o percurso com uma breve cerimônia, com a presença de centenas de pessoas.

"A Malásia apóia os Jogos Olímpicos e a viagem da tocha olímpica (...). Estamos em uma atmosfera festiva e que mostra as boas relações que temos com Pequim", disse Jaafar em seu discurso. EFE snr/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG