Três membros de minoria étnica no Vietnã são condenados a 10 anos de prisão

Hanói, 14 set (EFE).- Três membros de uma das minorias étnica da região central do Vietnã foram condenados a 10 anos de prisão após serem declarados culpados de atentar contra a segurança nacional, informou hoje a imprensa estatal.

EFE |

Os acusados, identificados como Amlinh, Yuh e Nhi, pelo jornal do estamento militar "Doi Nhan Dan", foram julgados em um tribunal da província de Gia Lai, na semana passada.

Segundo o jornal, as três pessoas condenadas foram detidas em março quando reorganizavam a estrutura política e militar da Frente Unida para a Luta das Raças Oprimidas.

O Governo do Vietnã acusa este grupo clandestino de fomentar revoltas na montanhosa região central do país.

Em abril deste ano, outros três supostos membros da Frente foram condenados a penas de 12 anos de prisão por delitos contra a "segurança nacional". EFE mat/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG