Três homens detidos na Grã-Bretanha por ameaças contra Brown e Blair

Três homens detidos na semana passada na Grã-Bretanha são suspeitos de estarem envolvidos em um caso de ameaças proferidas contra o primeiro-ministro, Gordon Brown, e seu antecessor Tony Blair, informaram meios de comunicação britânicos nesta sexta-feira.

AFP |

Os três homens, com idades de 21, 22 e 23 anos, teriam sido presos depois de um grupo chamado "Al-Qaeda na Grã-Bretanha" ter publicado em um site um comunicado com ameaças, pedindo a retirada das tropas britânicas do Iraque e do Afeganistão, segundo as mesmas fontes.

Dois destes homens, que a polícia não identificou, foram detidos em virtude da lei antiterrorista no aeroporto de Manchester, no noroeste da Inglaterra. O terceiro foi preso na cidade de Accrington, a 60 km dali.

Os dois homens detidos no aeroporto se preparavam para embarcar em um avião rumo à Finlândia. Uma equipe de policiais viajou a este país para continuar com a investigação.

A polícia tem até o dia 28 de agosto para indiciar formalmente os três homens, procedentes de Blacckburn, no condado de Lancashire (noroeste). Se isso não acontecer, eles terão que ser libertados.

kah/yw/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG