Três candidatos são mortos às vésperas de eleição no Iraque

BAGDÁ - Homens armados mataram três candidatos das eleições regionais do Iraque em incidentes separados nesta quinta-feira, dois dias antes do pleito, informou a polícia. A polícia disse que todos os três eram da minoria sunita.

Reuters |

Hazem Salem Ahmed, candidato pela Lista de Unidade Nacional, foi baleado do lado de fora de sua casa na cidade de Mosul, capital da província de Nínive, no norte do Iraque.

No distrito de Amiriya, em Bagdá, homens armados mataram o candidato Omar Faruq al-Ani, do Partido Islâmico Iraquiano, perto da casa dele, depois de um comício eleitoral.

O candidato Abbas Farhan, do Movimento Nacional de Reforma e Desenvolvimento, foi morto em um vilarejo perto da cidade de Mandili, na província de Diyala, nordeste de Bagdá, perto da fronteira com o Irã, também depois de um comício eleitoral.

Ao menos dois outros candidatos foram mortos nas últimas semanas, mas autoridades dos Estados Unidos e do Iraque dizem que não houve um aumento de violência às vésperas das eleições regionais, o primeiro pleito no Iraque desde 2005.

Vários árabes sunitas boicotaram a última votação, há quatro anos, e a eleição de sábado é amplamente debatida dentro da comunidade.

Leia também:

Leia mais sobre Iraque

    Leia tudo sobre: iraque

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG