Buenos Aires, 27 fev (EFE).- Um terremoto de 6,1 graus na escala Richter sacudiu hoje a província argentina de Salta, no norte do país, e foi sentido nos distritos de Jujuy e Tucumán, sem que até o momento haja informações de vítimas ou danos materiais, informaram fontes oficiais.

Marcelo Peña, do Instituto Nacional de Prevenção Sísmica, explicou que o epicentro do tremor ocorreu a 15 quilômetros ao sul de Salta (distante 1,5 mil quilômetros de Buenos Aires), em uma área próxima a uma cadeia montanhosa.

"É um sismo superficial" provavelmente provocado por uma falha geológica e não relacionado com o terremoto que afetou na madrugada ao Chile, ou seja, foi um "sismo cotidiano na região", acrescentou.

O terremoto no Chile, de 8,8 graus na escala de Ritcher, deixou 82 mortes pelos números oficiais e 122 de acordo com o presidente eleito desse país, Sebastián Piñera.

Esse movimento sísmico foi sentido com intensidade nas províncias argentinas de Mendoza, Córdoba, San Juan, Rio Neuquén, Catamarca e até em algumas áreas de Buenos Aires, sem o registro de danos materiais. EFE cw/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.