Por James Mackenzie PARIS (Reuters) - Um trem Eurostar que saiu de Londres com destino a Paris chegou à capital francesa nesta sábado com quase 10 horas de atraso depois que os passageiros foram forçados a trocar de trem duas vezes durante uma viagem noturna que normalmente leva apenas duas horas.

'Houve uma série de problemas técnicos e desordens, mas a situação é inteiramente inaceitável', afirmou Mireille Faugere, diretor de serviços de passageiros para a operadora francesa SNCF, a jornalistas que aguardavam a chegada do trem na Gare du Nord em Paris.

O Eurostar levou 8,26 milhões de passageiros em 2007 e o movimento cresceu 21,3 por cento nos primeiros três meses deste ano.

Faugere disse que má sorte também explica um dos piores atrasos já sofridos por um trem Eurostar, mas acrescentou que um inquérito será aberto para identificar as causas do incidente.

Depois de deixar Londres às 20h (horário local), um problema técnico forçou, ao redor de 23h, cerca de 640 passageiros a trocar de trem na cidade de Lille, no norte da França.

Um segundo problema mecânico no trem substituto depois os deixou encalhados no meio do campo ao norte de Paris.

Para piorar a situação, o terceiro trem foi obrigado a entrar em Paris a uma velocidade de reduzida de 60 quilômetros por hora por causa de o que o SNCF chamou de questões de segurança.

Quando o Eurostar finalmente entrou na estação às 9h15, quase 10 horas depois do horário previsto, os passageiros foram recebidos com funcionários ferroviários oferecendo vouchers de compensação e café-da-manhã e por uma pequena multidão de repórteres e cinegrafistas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.