Tratamentos para azia são ineficazes contra asma

Os tratamentos contra a azia e contra os refluxos de ácido gástrico prescritos por quase 20 anos para os asmáticos nos Estados Unidos são ineficazes para reduzir seus sintomas - é o que mostram os resultados de um estudo clínico divulgado nesta quarta-feira.

AFP |

Os médicos acreditavam que os ataques de tosse, crises de espirros e falta de ar se deviam, em parte, aos refluxos de ácido do estômago na garganta, o que os levava a receitar medicamentos contra a acidez e a ardência do estômago.

"Sabemos, agora, que não deveríamos usar esses medicamentos (antiácidos) para curar a asma, se o paciente não sofre desses sintomas gástricos", afirmou o doutor Lewis Smith, da Faculdade de Medicina Northwestern Feinberg, de Chicago (Illinois, norte), principal autor da pesquisa.

O estudo, publicado no "New England Journal of Medicine" de 9 de abril, é o mais extenso realizado até agora para determinar a eficácia dos antiácidos para tratar dos sintomas da asma.

Os asmáticos gastam até 10 milhões de dólares por ano em tratamentos contra a queimação no estômago, cuja ineficácia está demonstrada nesse trabalho, destacaram os pesquisadores.

js/tt/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG