Transplantes em clínicas particulares serão proibidos no Reino Unido

Londres, 31 jul (EFE).- O Governo britânico planeja proibir a partir do próximo outubro os transplantes em clínicas particulares de órgãos procedentes de doadores britânicos mortos para evitar um sistema que beneficia pacientes com mais recursos financeiros.

EFE |

O Executivo tomou esta decisão após encomendar um relatório sobre o assunto, depois que a imprensa britânica publicou nas últimas semanas informações que indicavam que pacientes estrangeiros pagavam em troca de receber estes órgãos.

A ex-presidente do Departamento de Doação de Órgãos no Reino Unido, Elisabeth Buggins, averiguou os fatos após conhecer-se que, na última década, mais de 700 transplantes foram realizados em pacientes estrangeiros com órgãos que estavam nas mãos do Serviço de Saúde Nacional britânico (NHS, na sigla em inglês) e dos quais 314 acabaram em pacientes não europeus.

A investigação realizada por Buggins não encontrou provas de delito em como estes órgãos acabaram sendo transplantados para estes pacientes, nem se em todos os casos houve troca econômica, mas concluiu que não deveria ser permitido pagar por este tipo de operações.

A legislação europeia permite que alguns pacientes recebam tratamento em outros países se for aprovado por seu sistema de saúde, que é o que finalmente cobre os custos.

Buggins assegurou que o NHS teria que ser mais cauteloso na hora de comprovar se os pacientes cumprem com os requisitos necessários para receber um órgão procedente de um doador do Reino Unido, já que considerou provável que atualmente alguns estejam recebendo tratamento quando deveriam ser rechaçados.

"Embora não tenha encontrado provas de delito no modo em que os órgãos acabaram nesses pacientes, há uma percepção generalizada de que os pagamentos privados podem influir injustamente no acesso aos transplantes, por isso que devem ser proibidos", ressaltou. EFE otp/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG