Montevidéu, 20 jun (EFE).- Uma uruguaia de 91 anos foi mantida presa em sua própria residência depois que três homens se apoderaram de sua casa e abriram um ponto de venda de drogas, informaram hoje fontes policiais.

A mulher ficou presa durante seis meses no porão de sua própria casa na cidade de Colina.

Os três homens tinham 18, 21 e 31 anos de idade.

A Polícia de Montevidéu descobriu o caso depois de uma denúncia feita por um vizinho da idosa e encontraram a mulher no porão de sua casa, em grave estado de saúde.

Os três homens estão detidos e aguardam decisão da Justiça, enquanto a idosa está em um Hospital de Montevidéu. EFE apl/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.