TPII designa juízes do processo contra Radovan Karadzic

Bruxelas, 22 ago (EFE).- O Tribunal Penal Internacional para a Antiga Iugoslávia (TPII) anunciou hoje os juízes que acompanharão o caso contra o acusado de crimes de guerra e ex-líder servo-bósnio Radovan Karadzic.

EFE |

A decisão aconteceu depois que o presidente do TPII, Fausto Pocar, decidiu repassar o caso para outra vara, diferente da que recebeu o primeiro comparecimento de Karadzic, em 31 de julho.

Karadzic, sobre o qual há onze acusações, entre eles genocídio, crimes de guerra e lesa-humanidade que teriam sido cometidos durante a Guerra da Bósnia (1992-1995), solicitou na semana passada a recusação do juiz Alphons Orie e dos outros juízes da 1ª Vara, aos quais acusavam de ter "interesse pessoal no caso".

Pocar anunciou na quinta-feira que repassou o caso de Karadzic para a 3ª Vara, mas justificou por motivos de "gestão dos julgamentos" na Corte.

Em outra decisão anunciada no mesmo dia, o presidente do tribunal disse que o pedido de Karadzic para recusar o juiz Orie não tinha mais lugar, devido à mudança anterior.

O TPII também anunciou hoje que continua marcado o comparecimento previsto de Karadzic diante da 3ª Vara no próximo dia 29, às 9h15 de Brasília.

Em seu primeiro comparecimento, o acusado não quis se declarar culpado ou inocente das acusações, por isso poderia fazer isso na próxima sexta-feira.

A vara estará presidida pelo juiz Patrick Robinson (presidente), Michèle Picard e Iain Bonomy. EFE rcf/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG