A Torre do Tambor, importante atração turística de Pequim, reabriu ao público nesta quarta-feira dois meses depois de ter sido cenário, durante os Jogos Olímpicos, do assassinato de um turista, sogro do técnico da seleção de vôlei masculino dos Estados Unidos.

As autoridades adotaram medidas de segurança adicionais no local.

A Torre do Tambor, um edifício do século XIII com vista para o centro histórico da capital chinesa, estava fechada desde a tragédia de 9 de agosto, um dia depois da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos.

Na ocasião, Tang Yongming, 47 anos, esfaqueou e matou Todd Bachman, sogro de Hugh McCutcheon, técnico da seleção americana, antes de cometer suicídio.

A mulher de Todd Bachman ficou gravemente ferida no ataque.

mbx/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.