preocupação após anúncio da China sobre execução de japonês - Mundo - iG" /

Tóquio expressa preocupação após anúncio da China sobre execução de japonês

Tóquio, 30 mar (EFE).- O Governo japonês expressou a Pequim sua preocupação pelo anúncio da execução de um cidadão japonês detido em 2006 na China por tráfico de drogas, informou à agência Efe um porta-voz do Ministério japonês de Exteriores.

EFE |

Segundo o porta-voz, os representantes diplomáticos do Japão na China receberam na segunda-feira uma notificação que informava da execução do cidadão japonês em sete dias.

O representante de Exteriores qualificou a execução como "lamentável", mas reconheceu que "depende de cada país soberano" decidir a pena por cada delito.

Em Pequim, o porta-voz de turno da Chancelaria chinesa, Qin Gang, indicou que informou a Tóquio que executará um cidadão japonês por tráfico de entorpecentes, considerado um delito grave na China.

A identidade do detido não foi divulgada. Sabe-se que ele quis levar 2,5 quilos de estimulantes ao Japão partindo do aeroporto chinês de Dalian, em 2006.

O homem, segundo a agência local "Kyodo", foi condenado em 2009, depois que foi rejeitada a apelação de seus advogados de defesa.

Nos corredores da morte da China há outros três réus japoneses condenados por tráfico de entorpecentes, sobre os quais o Governo do Japão - país que também admite a pena de morte - "seguirá expressando sua preocupação", acrescentou o porta-voz.

Se a execução for mesmo realizada, seria a primeira de um cidadão japonês na China desde que os países normalizaram seus laços diplomáticos, em 1972. EFE mic-jmr/fm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG