grande negócio - Mundo - iG" /

Tom Hanks diz que teorias de conspiração viraram grande negócio

Madri, 4 mai (EFE).- O ator Tom Hanks, que volta a encarnar o professor Robert Langdon em Anjos e demônios, acredita que a popularização das teorias de conspiração contra a Igreja Católica, como as que se relatam nesse filme e em O Código da Vinci, se tornou um grande negócio.

EFE |

Tom Hanks fez hoje essas declarações em uma videoconferência com jornalistas em Roma, onde esta noite "Anjos e demônios", dirigido por Ron Howard e baseado também em um romance de Dan Brown, terá sua estreia mundial.

Para o ator americano "Anjos e demônios", que estará ao alcance do grande público em todo mundo já na próxima semana, é "uma história de ficção que serve para reunir todos os tipos de pessoas".

O sucesso dessa saga, tanto dos livros homônimos como dos filmes, - "O Código da Vinci" arrecadou US$ 758 milhões em bilheteria no mundo -, é devido, segundo Hanks, ao tema que aborda, já que "as teorias da conspiração geram muitas perguntas e discussões".

Sobre as distintas críticas que o filme recebeu antes de sua estreia, o ator apontou que "os críticos não importam". "Afinal de contas, todos somos críticos", afirmou.

Segundo ele, "realmente é o público, as pessoas que vão ao cinema, que são responsáveis" pelo sucesso ou o fracasso de um filme. EFE fb/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG