Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Todos os países da América Latina poderão se somar à Unasul em cinco anos

Brasília, 23 mai (EFE).- Todos os países da América Latina e o Caribe poderão solicitar sua adesão à União de Nações Sul-Americanas (Unasul) a partir do quinto ano da entrada em vigor do tratado constitutivo do organismo, aprovado hoje em Brasília pelos 12 países da região.

EFE |

"Nascemos como um espaço aberto para toda a América Latina e o Caribe, que queremos ir integrando gradualmente", disse o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, na entrevista coletiva com a qual foi concluída a Cúpula de chefes de Estado e do Governo da Unasul.

O presidente brasileiro ressaltou que o próprio tratado constitutivo prevê a forma como os demais países da região poderão ir se somando à Unasul, que terá como bases de sustentação a integração já atingida pelo Mercosul e pela Comunidade Andina (CAN).

"Os demais Estados da América Latina e o Caribe que solicitem sua participação como Estados associados da Unasul poderão ser admitidos com a aprovação do Conselho de chefes de Estado e de Governo", segundo o convênio.

O documento prevê que tal adesão apenas não poderá ser solicitada cinco anos depois da entrada em vigor do tratado constitutivo, o que apenas ocorrerá quando o nono dos 12 respectivos Congressos da região ratificarem o texto.

"A partir do quinto ano da entrada em vigor do presente tratado e levando em conta o propósito de fortalecer a unidade da América Latina e o Caribe, o Conselho de chefes de Estado e de Governo poderá examinar solicitações de adesão como Estados-membros por parte de Estados associados", status que será outorgado a nações que queiram estabelecer acordos especiais com a Unasul.

Para ser admitido como Estado membro deste bloco, o país aspirante terá que ter recebido o status de Estado associado pelo menos quatro anos antes.

"Os respectivos Protocolos de Adesão entrarão em vigor aos 30 dias da data em que se completar seu processo de ratificação por todos os Estados-membros e o Estado que está aderindo", acrescenta o convênio constitutivo.

Os Estados-membros fundadores da Unasul Brasil, Argentina, Bolívia, Colômbia, Chile, Equador, Guiana, Paraguai, Peru, Suriname, Uruguai e Venezuela. EFE cm/ma

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG