A tocha Olímpica foi carregada pelas ruas da capital chinesa, Pequim, nesta quarta-feira, na última etapa de seu percurso por vários países. Multidões aclamaram a passagem do símbolo dos jogos, agitando bandeiras e aplaudindo.

A tocha foi levada pela Cidade Proibida e deve passar por locais famosos na cidade como a Praça da Paz Celestial, antes da cerimônia de abertura do evento, na sexta-feira.

Ela percorreu um total de 140 mil quilômetros e seis continentes, desde que deixou a Grécia, no dia 24 de março.

O percurso, que incluiu Londres, Paris e São Francisco, foi marcado por protestos pelo desempenho da China em relação aos direitos humanos e sua política no Tibete.

Celebridades chinesas
O astronauta chinês, Yang Liwei, e a estrela do basquete, Yao Ming, deverão se reunir aos mais de 800 portadores da tocha que participam dos últimos dias do percurso pela cidade, que tem 17 milhões de habitantes.

Na terça-feira, o símbolo olímpico passou pela província de Sichuan, atingida por um terremoto em maio. Foi realizado um minuto de silêncio na cidade de Guangan, em homenagem às quase 70 mil pessoas mortas no abalo.

A tocha deveria ter visitado a região em meados de junho, mas o evento foi adiado por causa do impacto do terremoto, que deixou cerca de cinco milhões de pessoas desabrigadas.

As autoridades chinesas disseram que estão confiantes de que todos os atletas e espectadores estarão em segurança, depois de um ataque de supostos militantes separatistas muçulmanos em que 16 policiais morreram.

O atentado ocorreu na segunda-feira, na região de Xinjiang, no oeste do país.

Um porta-voz dos organizadores disse que os preparativos foram feitos para proteger cerca de 10,5 mil atletas de 205 países durante a Olimpíada.

Autoridades na cidade de Xangai, onde serão realizadas algumas das competições olímpicas, disseram que todas as lojas em estações do metrô serão fechadas por questões de segurança.

A operadora do sistema, Shentong Metro Group, disse que mais de mil estabelecimentos serão afetados e até máquinas que vendem artigos por moedas serão fechadas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.