Tiroteios policiais mataram 250 civis na Índia em 2007

Nova Délhi, 16 dez (EFE).- Pelo menos 250 civis morreram e 616 ficaram feridos por causa de tiros da Polícia indiana em 2007, segundo um relatório do Escritório Nacional de Registro de Crimes (NCRB, em inglês) divulgado hoje.

EFE |

Os agentes indianos protagonizaram no ano passado 865 tiroteios em distúrbios, operações contra o crime organizado ou grupos terroristas, segundo o estudo, que afirma que 59 policiais morreram e 855 sofreram ferimentos.

O estado mais povoado da Índia, Uttar Pradesh, no norte do país, registrou 469 tiroteios e o maior número de mortos, 115, dos quais 102 eram civis e 13 policiais.

Depois desta região, vem o estado de Andhra Pradesh (33 mortos), Maharashtra (30 mortos) e Rajastão (24 mortos).

Estas quatro regiões somam 72,4% do total de pessoas mortas nos tiroteios policiais registrados em 2007.

Segundo os dados do NCRB, 38,6% dos tiroteios ocorreram em operações contra o crime organizado, 21% contra grupos terroristas e extremistas e 13,8% durante distúrbios. EFE jrc/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG