Tiroteio no centro de Bagdá deixa 3 mortos e 8 feridos

(atualiza com registro de vítimas e mais detalhes). Bagdá, 28 mar (EFE).- Pelo menos três pessoas morreram e oito ficaram feridas num tiroteiro ocorrido hoje, no centro de Bagdá, entre pessoas não identificadas, de um lado, e policiais e militares, do outro, disseram fontes oficiais.

EFE |

Suspeita-se que a troca de tiros foi iniciada por um grupo local dos chamados Conselhos de Salvação (milícias sunitas que apoiam o Governo no combate aos rebeldes), que teria reagido à detenção de dois de seus líderes.

Fontes do Ministério do Interior disseram à Agência Efe que, embora tenha sido registrado no centro de Bagdá, o tiroteio foi fora da superprotegida Zona Verde, onde ficam muitas embaixadas e as sedes do Governo e do Parlamento.

Os relatos oficiais indicam que um dos feridos é um agente da Polícia. Informações sobre as outras vítimas não foram divulgadas.

A Efe pôde constatar que a troca de tiros se estendeu por várias horas e continuava até a entrada da noite, embora com menos intensidade.

A região, isolada pelas forças militares americanas, teve seu acesso bloqueado também aos jornalistas.

Segundo informações, o tiroteio teve início depois que as forças de segurança detiveram o chefe do Conselho de Salvação do bairro Al-Fadl, Adil al-Mashahadani, e seu subordinado, Suleiman Qaduri.

O porta-voz das operações de segurança em Bagdá, general Qasem Atta, disse que os dois foram detidos em cumprimento a uma ordem de prisão. Porém, o oficial não soube dizer as acusações apresentadas contra ambos. EFE am/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG