Tiroteio no Cáucaso do Norte deixa quatro mortos

Kremlin luta para conter insurgência islâmica, que tem migrado do Daguestão e da Chechênia para regiões como Kabardino-Balkária

Reuters |

Um policial e três militantes morreram nesta quarta-feira em um tiroteio na província russa de Kabardino-Balkária, no Cáucaso do Norte, de maioria muçulmana.

Um policial foi baleado por militantes às 16h (10h no horário de Brasília) enquanto inspecionava uma torre de TV em Tyrnyauz, cerca de 60 quilômetros a oeste da capital de Kabardino-Balkária, Nalchik, informou a agência de notícias estatal RIA. Os militantes foram mortos quando as forças do governo responderam aos tiros, acrescentou a agência.

Na terça-feira, militantes mataram três pessoas em um ataque ao parlamento regional da Chechênia, local de duas guerras separatistas contra Moscou desde meados dos anos 1990.

O Kremlin luta para conter uma insurgência islâmica em seu flanco sul, onde a violência se disseminou para além do epicentro tradicional no Daguestão e na Chechênia, indo para regiões relativamente tranquilas como Kabardino-Balkária.

    Leia tudo sobre: rússiaterrorismocáucasoislãKabardino-Balkária

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG