Tiroteio em escola profissionalizante na Finlândia deixou pelo menos 9 mortos

Helsinque, 23 set (EFE).- Pelo menos nove pessoas morreram hoje devido aos disparos de um jovem em um centro de formação profissionalizante da localidade finlandesa de Kauhajoki, anunciou um porta-voz oficial da Polícia.

EFE |

O autor dos disparos, aparentemente um aluno do centro, foi levado em estado crítico a um hospital de Tampere com um tiro na cabeça, disse a mesma fonte.

A Polícia isolou o complexo de ensino, formado por três escolas, entre elas uma de educação primária, pois temem que o autor do tiroteio possa ter colocado uma bomba.

Além disso, houve um incêndio de grandes proporções no edifício que está sendo combatido pelos bombeiros.

O incidente ocorreu às 11h (5h de Brasília), quando um homem encapuzado entrou no edifício com uma bolsa esportiva, segundo testemunhas, e pouco depois foram feitos os primeiros disparos.

Um funcionário do centro disse à imprensa local que o jovem foi a uma sala de aula onde vários estudantes faziam uma prova, e começou a atirar indiscriminadamente.

Segundo diversas testemunhas, o autor do massacre se escondeu em uma sala de aula e atirou várias vezes contra a Polícia quando os agentes tentaram se aproximar do centro, o que dificultou a retirada dos feridos.

A Polícia não confirmou essa informação, mas o autor do tiroteio poderia ser um jovem de 22 anos residente em Kauhajoki que colocou quatro vídeos no site YouTube com o nome de usuário "Wumpscut86", onde ele aparece com uma pistola.

O jovem, cuja identidade ainda é desconhecida, entrou no YouTube apenas duas horas antes de protagonizar o tiroteio.

Em seu perfil de usuário, se descrevia como um jovem interessado em "computadores, armas, sexo e cerveja", com predileção pelos filmes de terror.

Este é o segundo massacre na Finlândia em menos de um ano, já que, em novembro do ano passado, um estudante de 18 anos matou oito pessoas em um instituto de ensino médio de Tuusula, no sul da Finlândia, e depois se suicidou. EFE jg/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG