TEL AVIV (Reuters) - Um atirador vestido de preto matou duas pessoas e feriu várias outras em um ataque contra uma boate gay de Tel Aviv neste sábado, informou a televisão israelense. Um porta-voz da polícia confirmou as mortes, descrevendo o incidente como criminoso, mais do que nacionalista. A maior cidade de Israel foi alvo no passado de ataques de grupos palestinos.

Oito pessoas foram feridas no clube, disse o porta-voz da polícia, que não tinha mais detalhes para fornecer imediatamente.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.