Time russo corta carne de porco por temer gripe suína

São Petersburgo (Rússia), 21 mai (EFE).- O Zenit São Petersburgo retirou o consumo de carne de porco e derivados da dieta de seus jogadores por temer um eventual contágio pela gripe suína.

EFE |

"O porco não está mais no menu. Não só é muito gordurento, ou seja, pouco saudável, mas agora há o risco da gripe suína. Fomos obrigados a mudar a dieta", comentou Kamo Tatevosian, cozinheiro da equipe, em entrevista publicada hoje pelo jornal "Moskovski Komsomolets".

Tatevosian, que estimulou o elenco a tomar sopa diariamente, disse que "não se pode colocar em risco a saúde dos jogadores".

Campeão da Copa da Uefa e da Supercopa da Europa em 2008, o clube russo tomou a decisão apesar de autoridades do setor da saúde afirmarem que a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados. EFE ak/dp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG