Tibetanos tentam invadir embaixada da China em Nova Délhi

Um grupo de tibetanos tentou hoje entrar na embaixada chinesa em Nova Délhi no momento em que acontecia a cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos em Pequim, e foi detido por agentes indianos, anunciou uma fonte policial.

EFE |

Os ativistas chegaram em dois ônibus e tentaram entrar na embaixada cantando e pedindo a liberdade do Tibete, segundo a fonte, citada pela agência "PTI".

O grupo de ativistas levando bandeiras do Tibete protestou em frente à embaixada chinesa às 17h30 na hora local (8h, Brasília), mas a Polícia disparou contra os tibetanos e dispersou alguns deles.

A fonte acrescentou que vários ativistas foram levados à delegacia de Chanakyapuri, a área residencial onde se encontra a embaixada chinesa, mas não informou quantos eram.

Na quinta-feira, uma manifestação de tibetanos contra a realização dos Jogos Olímpicos em Pequim foi realizada em Nova Délhi.

Em março deste ano, após o início dos protestos tibetanos, a embaixada chinesa em Nova Délhi foi palco de várias manifestações, e 15 ativistas conseguiram invadir o jardim do edifício.

    Leia tudo sobre: tibet

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG