Um negro de 34 anos, Willie Pondexter, condenado a morte pelo assassinato de uma idosa de 85 anos, foi executado na terça-feira com injeção letal no Texas.

A morte de Pondexter aconteceu na penitenciária de Huntsville, nove minutos depois de receber a injeção.

Em 28 outubro de 1993, quando tinha 19 anos e já com um longo prontuário judicial, Willie Pondexter e outros dois criminosos assaltaram a residência de Martha Lennox, 85 anos em Clarksville (Texas).

Pondexter e outro jovem atiraram contra a idosa e fugiram com dinheiro.

Os três foram julgados e condenados a morte. Ele foi o nono homem executado no Texas em 2009.

lum/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.