WASHINGTON (Reuters) - O último teste com míssil do Irã é um passo na direção errada e, apesar de os Estados Unidos quererem manter contato com o país para ajudar a tornar a região mais estável, a paciência não é infinita, disse uma autoridade norte-americana nesta quarta-feira. O Irã continua indo na direção errada. Nós queremos que eles se comprometam conosco, para conversar sobre como podemos tornar a região mais estável. Este é apenas um passo na direção errada, disse a autoridade.

(Reportagem de Deborah Charles)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.