Pelo menos 43 pessoas foram hospitalizadas na manhã de quinta-feira (horário local) depois do violento terremoto que abalou o norte do Japão, informaram fontes oficiais.

Os feridos são moradores da cidade de Hashinohe, no distrito de Aomori, perto do epicentro do terremoto de 6,8 graus na escala Richter.

"O número de feridos provocados pelo terremoto é agora de 43", declarou um porta-voz da polícia nacional em Tóquio.

O terremoto foi registrado às 00H26 de quinta-feira (12H26 desta quarta-feira pelo horário de Brasília) no distrito de Iwate, a 120 km de profundidade, segundo os serviços meteorológicos japoneses.

As televisões japonesas mostraram imagens de pessoas apavoradas nas ruas, objetos caindo e alguns pequenos focos de incêndio.

O tremor afetou praticamente toda a metade oriental do Japão. Os prédios de Tóquio, 500 km ao sul do epicentro, também balançaram.

Situado na confluência de quatro placas tectônicas, o Japão registra 20% dos terremotos do planeta.


Clique para ver o infográfico


Leia mais sobre: terremotos  - Japão

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.