PORTO PRÍNCIPE (Reuters) - Mais de 200 mil pessoas morreram como consequência do terremoto de magnitude 7,0 que devastou o Haiti em 12 de janeiro, afirmou nesta quarta-feira o primeiro-ministro do país, Jean-Max Bellerive. Ele disse que 300 mil pessoas ficaram feridas no desastre, incluindo 4 mil vítimas de amputações.

O governo havia estimado o número de mortos pelo desastre entre 150 mil e 200 mil.

(Reportagem de Joseph Guyler Delva)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.