Terremoto no Afeganistão deixa dezenas de mortos

Por Rafiq Sherzad MIR GADKHEL, Afeganistão (Reuters) - Camponeses do leste do Afeganistão tentaram nesta sexta-feira remover escombros para recuperar os corpos de dezenas de pessoas que estariam mortas após um terremoto de magnitude 5,5.

Reuters |

Moradores do vilarejo de Mir Gadkhel disseram que dezenas de pessoas morreram lá. Um cinegrafista da Reuters viu cerca de 10 corpos em outro vilarejo próximo, Sar Kot.

"Três membros da minha família morreram e sete estão feridos. Acho que morreram umas 40 pessoas. Centenas de casas foram destruídas", disse Gul Mohammad, morador de Mir Gadkhel, a 45 quilômetros da cidade afegã de Jalalabad.

O Serviço de Pesquisas Geológicas dos Estados Unidos informou que um terremoto de magnitude 5,5 atingiu a região durante a madrugada desta sexta-feira, seguido por um tremor secundário de intensidade 5,1 duas horas depois.

No local, um pai chorava sobre os corpos de uma filha e dois filhos. Perto dali, estavam os corpos de um homem e de duas mulheres.

"Eu estava dormindo quando o terremoto aconteceu. Nós saímos um pouco e depois voltamos para casa. Então teve outro terremoto que foi muito forte. O teto caiu e matou meu irmão e seus dois filhos", disse o menino Amrullah, um meio a lágrimas.

O gabinete do presidente Hamid Karzai informou que ao menos 20 pessoas morreram. Mohammad Tahir Zahir, vice-governador da Província de Nangarhar, disse que 40 pessoas morreram.

Os vilarejos atingidos pelo terremoto ficam entre Jalalabad e a capital Kabul, em Nangarhar, uma província que é alvo de esporádicos ataques do Taliban. Nesta sexta-feira não houve informações de incidentes de violência perto da área do tremor.

(Reportagem adicional de Hamid Shalizi em Kabul)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG