Terremoto na Itália: Comissão Europeia propõe ajuda de 494 mihões de euros

A Comissão Europeia propôs nesta quinta-feira conceder uma ajuda de quase 494 milhões de euros (703 milhões de dólares) à Itália, para enfrentar as consequências do terremoto de abril em LAquila (centro), que deixou quase 300 mortos.

AFP |

A proposta da Comissão, que atua como Executivo comunitário, deve ser aprovada pelos 27 países membros da União Europeia (UE) e pelo Parlamento do bloco.

"Esta ajuda, que deve ser aprovada no outono (Hemisfério Norte), será a maior desde à criação do Fundo de Solidariedade da União Europeia em 2002", disse um porta-voz da Comissão.

O terremoto de 6 de abril, de 5,8 graus na escala Richter, matou 299 pessoas e deixou 70.000 pessoas sem casa na região.

Estas pessoas ainda estão vivendo em acampamentos ou em casas de parentes e amigos. O centro histórico da cidade de L''Aquila continua vedado.

Os subsídios europeus serão destinados a apoiar as iniciativas já adotadas pelas autoridades italianas, entre elas a construção de casas temporárias, a reconstrução de infraestrutura e a limpeza de escombros de aldeias destruídas.

abd-loc/lm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG