Terremoto matou centenas no centro de Porto Príncipe

Centenas de pessoas morreram nesta terça-feira no centro de Porto Príncipe, destruído por um terremoto de 7 graus de magnitude, revelaram à AFP diversas testemunhas.

AFP |

"Acreditamos que há centenas de mortos", disse um médico da capital haitiana.

"O centro de Porto Príncipe está destruído, é uma verdadeira catástrofe", revelou um morador da capital, após caminar vários quilômetros em meio a cenas de pânico.

A TV local informou que caíram o Palácio Nacional, os ministérios das Finanças, Trabalho, Comunicação e Cultura, o Palácio da Justiça, a Escola Normal Superior, o prédio do Parlamento e a Catedral de Porto Príncipe.

O departamento americano de Estado advertiu em Washington que diversas informações "deixam claro que há muitos mortos".

Um funcionário das Nações Unidas no Haiti disse à AFP que o tremor destruiu a sede da força de paz da ONU no país.

"A maior parte da sede da Missão de Estabilização das Nações Unidas no Haiti (MINUSTAH) está destruída. Há muita gente sob os escombros, mortos e feridos", revelou o funcionário.

A missão da ONU para a estabilização do Haiti (Minustah), no país desde junho de 2004, tem cerca de 11 mil homens, incluindo mais de 1.200 militares do Brasil.

* Com AP, BBC e Reuters

Leia mais sobre terremoto

    Leia tudo sobre: haititerremoto

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG