Terremoto de magnitude 5,9 atinge Chile

Tremor foi sentido na capital, Santiago, mas departamento de emergências do país não registrou danos

Reuters |

SANTIAGO - Um terremoto de magnitude 5,9, inicialmente apontado com magnitude de 5,8, atingiu o centro do Chile neste domingo e foi sentido na capital Santiago, mas o departamento de emergências do país informou que não havia registro de danos.

O Serviço Geológico dos Estados Unidos disse que o epicentro do terremoto foi 135 quilômetros a sudoeste de Santiago.

"Não há relatos de danos. Somente houve interrupção do sinal telefônico na região de Rancagua (90 quilômetros ao sul de Santiago)", disse uma porta-voz do departamento.

A Marinha acrescentou que não há alerta de tsunami.

A mineradora estatal Codelco, maior produtora mundial de cobre, disse que suas operações não foram afetadas pelo terremoto.

O tremor deste domingo aconteceu dois meses depois que o Chile foi atingido por um forte terremoto de magnitude 8,8 e tsunamis que mataram cerca de 500 pessoas e causaram danos estimados em 30 bilhões de dólares na infraestrutura, em residências e na indústria.

(Reportagem de Simon Gardner, Alonso Soto e César Illiano)

    Leia tudo sobre: terremotochile

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG