Terremoto de 5,7 graus atinge capital mexicana

MÉXICO - Um forte tremor de 5,7 graus de magnitude na escala Richter atingiu hoje a capital mexicana e estados do centro do país, informou hoje o Serviço Sismológico Nacional (SSN).

EFE |

AP

Guarda monitora as pessoas em evacuação de prédio por causa de terremoto



O tremor ocorreu por volta de 14h24 (16h24 de Brasília), teve seu epicentro em um ponto situado cerca de 45 quilômetros de profundidade no estado de Puebla, centro, e foi sentido com bastante intensidade na capital, onde, por enquanto, não foram reportados danos físicos ou materiais.

Embora inicialmente o SSN tenha afirmado que o tremor tinha sido de 5,9 graus, posteriormente corrigiu a medição e esclareceu que foi de 5,7 graus.

Em entrevista convocada de emergência, o prefeito do Distrito Federal, Marcelo Ebrard, disse que, após um primeiro estudo da situação, não foi observado "nenhum dano maior" na capital mexicana.

"Temos funcionando sem danos todos os sistemas importantes da cidade", acrescentou o prefeito, em referência ao sistema de metrô, de água e todos os hospitais da rede de saúde.

O abalo foi "mais profundo do que o que estamos acostumados", o que explica que tenham sido sentidos dois movimentos bruscos enquanto a terra tremeu, explicou a uma emissora local Carlos Valdés, diretor do SSN.

O especialista explicou que, pelo modo como a terra tremeu, é improvável que haja réplicas.

Aparentemente, o epicentro do tremor foi localizado em Tehuacán, 26 quilômetros ao sudeste de Chiautla de Tapia.

Na capital mexicana, minutos depois do tremor centenas de pessoas deixaram escritórios e casas, e algumas escolas foram evacuadas.

As redes de telefonia celular deixaram de funcionar durante vários minutos por congestão, mas por enquanto não há relatórios de danos materiais nem de vítimas a causa do tremor.

Momentos depois, as pessoas voltaram aos escritórios e os serviços de Defesa Civil começaram a revisar a cidade com helicópteros e por terra.

Leia mais sobre terremoto

    Leia tudo sobre: méxicoterremoto

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG