Terremoto afeta monumentos na Itália

ROMA - O terremoto que atingiu a região central da Itália na madrugada desta segunda-feira causou danos em monumentos e obras de arte, e o fato fez com que o Ministério da Cultura local decidisse nomear um funcionário para coordenar os trabalhos nas áreas afetadas.

EFE |

"Vamos reproduzir o modelo adotado em outras oportunidades, como no terremoto que causou graves danos à Basílica de Assis. Pretendemos preservar e reconstruir os bens culturais, além dos edifícios afetados", disse o subsecretário de Bens Culturais, Francesco Giro.

Segundo Giro, o secretário-geral de Bens Culturais, Giuseppe Proietti, deve coordenar estas operações.

Fontes da Superintendência de Bens Arqueológicos de Roma confirmaram hoje à Agência Efe que o local conhecido como Termas de Caracalla, em Roma, sofreu danos em decorrência do terremoto. Uma rachadura já existente foi agravada pelo incidente.

No entanto, as mesmas fontes informaram que outros monumentos da capital, como o Coliseu e o monte Palatino não sofreram danos.


Epicentro do terremoto foi em L'Aquila, no centro da Itália


Clique para ver o infográfico

Leia também:

Leia mais sobre: terremoto

    Leia tudo sobre: terremoto

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG