Terminal aéreo de Newark passa horas fechado por segurança

NEWARK (Reuters) - Um homem fugiu de uma verificação de segurança no Aeroporto Internacional de Newark, em Nova Jersey, levando ao fechamento durante várias horas de um terminal de um dos aeroportos mais movimentados dos Estados Unidos, disseram autoridades federais. O Terminal C do aeroporto foi esvaziado após a ruptura de segurança ocorrida na noite de domingo, informou a Administração de Segurança dos Transportes (TSA). Os vôos foram impedidos de decolar durante o período de fechamento.

Reuters |

"A TSA interrompeu imediatamente as revistas nos postos de segurança do Terminal C e trabalharam com a polícia para examinar fitas de vigilância do aeroporto para identificar o indivíduo em questão", disse em comunicado uma porta-voz da agência, Ann Davis.

Os passageiros foram autorizados a embarcar em seus aviões novamente seis horas mais tarde, disse o TSA, segundo a mídia local. As autoridades não encontraram o homem que provocou o alerta.

Os grandes aeroportos norte-americanos adotaram nível de segurança intensificado desde uma tentativa fracassada de explodir um avião da Northwest Airlines com destino a Detroit, no dia de Natal, cometida por um nigeriano que embarcou em Amsterdã levando explosivos em sua cueca.

Joshua Brown, de Toronto, que aguardava no terminal para embarcar em um voo para Lisboa, disse que havia entre 2.000 e 3.000 pessoas no terminal que esperaram as forças de segurança, em grande número, concluir suas verificações.

A Continental Airlines opera a partir do Terminal C do aeroporto de Newark.

Autoridades norte-americanas anunciaram no domingo que os cidadãos de 14 países que viajam aos EUA serão sujeitos a revistas intensificadas em aeroportos de todo o mundo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG